Páginas

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Pensamentos


Tumblr_m2ximbcfjs1qep56go1_500_large





































“Era uma vez”. Acho mais fácil começar assim, com uma historia. Então lá vai.

 - Era uma vez, um homem, um simples homem que se apaixonou por uma garota, eles foram felizes. Fim!

Fácil não é?

Como seria bom se a vida fosse assim. Mas ela é assim! Fácil. Nós e que a complicamos por pensarmos muito, pensarmos em tudo. O que torna o fácil difícil. Vou explicar de uma melhor maneira. Se algum não te liga, pode ser porque essa pessoa ainda não viu sua ligação. Em uma conversa você acha que uma pessoa esta diferente, mas ela pode estar normal e talvez diferente esteja você. Temos mania de criar um obstáculo que não existe apenas por pura loucura ou por achar que o amor não exista. E saiba essa segunda alternativa é a pior. Porque nela você se machuca mais e não apenas em um relacionamento, mas sim em todos. Então lá vai a minha dica: quer viver uma historia de amor simples igual a do inicio do texto? Viva!!! Pare de pensar no “e se", pois não existe e se, existe escolhas pensamentos, idéias. Quando você parar de pensar no e se, tudo será mais simples!

domingo, 1 de abril de 2012

Um Caminho

Ele sempre teve um caminho a seguir
Ate que um dia teve que partir
Tomar uma direção
Mesmo partindo o seu coração
E eles dizem que não valeria à pena
Cada segundo que ele caminhasse
Sem motivos
Sem destino
Mais em seu peito queimava
A cada segundo que pensava
Todas as suas razões
Tornavam-se em vão
Agora ele deveria voltar para casa
Mais não há ninguém a esperar
Seu passado consumiu
O que restava deles
Então ele resolve esperar
Alguém que se foi, voltar
Com cada pedaço
Do espelho da alma quebrado
E seus olhos se perderam
Em meio à multidão
Sufocado pelos seus medos
E todas as indecisões
Agora por favor
Deixe o coração ir
Para lugares altos
Se esconder na neblina
De uma noite fria
Onde se encontra a tranqüilidade para cura as feridas
Veja a chuva cair
Pelo buraco vazio
Do meu peito
Porque o que eu tinha de valor se foi
Para nunca mais voltar.