Páginas

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Um amor sem fim

Quando eu era mais nova, me disseram que não existe mais o amor, me fizeram acreditar que homens não sabiam o que eram amar, muito menos, o que era ser romântico. E assim eu cresci, com essa ideia de amor inexistente. Deixei meu coração virar pedra, e a insegurança e o medo tomar contar de todos os meus pseudos-relacionamentos que eu não conseguia deixar nenhum namoro ir para frente. Ate que a algum tempo eu conheci alguém. com todas as dores, sofrimentos e términos, acho que agora posso dizer com todas as palavras o que é amar. 

Amar e pensar no outro, sem nem ao menos se importar com o que você pensava antes. É ver a felicidade através de um sorriso, e sentir falta sendo que vocês acabaram de se encontrar. e ver a sua felicidade inteira ao lado de alguém.

Então depois de tudo isso eu tenho que afirmar, ainda existe amor, de uma forma meio maluca, diferente de tudo o que você imaginou, ainda existe o verdadeiro amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário